DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Medicina da Bahia >
Pós-Graduação em Medicina e Saúde (PPGMS) >
Dissertações de Mestrado (PPGMS) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15111

Title: Evidências do uso da Toxina Botulínica tipo A no Tratamento da Espasticidade
Authors: Cardoso, Eduardo
???metadata.dc.contributor.advisor???: Melo, Ailton de Souza
Keywords: Toxina botulínica;Espasticidade;Acidente vascular encefálico;Paralisia cerebral
Issue Date: 4-Jul-2014
Abstract: Introdução: A espasticidade é definida como um aumento da tonicidade muscular, velocidade dependente, devido a comprometimento do sistema nervoso central. Estima-se que 10% de qualquer população é portadora de deficiências físicas, e destas, aproximadamente 60% apresentam espasticidade. Apesar do grande número de publicações sugerindo o uso de toxina botulínica do tipo A (BTX-A) em espasticidade, poucos são os estudos com metodologia adequada desenhados para este fim. Objetivo: Determinar se BTX-A é uma terapêutica segura e eficaz no tratamento da espasticidade em membros superiores pós acidente vascular encefálico (AVE) e no pé eqüino espástico em portadores de paralisia cerebral. Desenho de estudo: Metanálise de ensaios clínicos randomizados, duplo-cegos, placebo controlados. Material e Métodos: Através de uma revisão sistemática da literatura serão selecionados ensaios clínicos, randomizados, duplo-cegos, placebo-controlados, avaliando a eficácia de BTXA no tratamento da espasticidade de membros superiores após AVE e no pé equino espástico em portadores de paralisia cerebral. Serão utilizados dois métodos para a localização dos artigos: inicialmente as bases de dados Medline, Cochrane, Bireme, Web of science, Scisearch serão consultadas entre os anos de 1980 (ano da liberação pelo FDA da toxina botulínica para testes em humanos) até 2002, usando-se os termos “botulinum toxin” e “spasticity”. Posteriormente, as listas de referências de todos os estudos da revisão serão examinadas com o propósito de identificar possíveis referências não encontradas na busca computadorizada. Os artigos serão selecionados por três revisores independentes e será utilizado o método proposto por Jadad et al. (1996) para avaliar a qualidade dos ensaios clínicos controlados. Utilizaremos como desfecho para melhora clínica qualquer alteração na escala de Ashworth modificada ou na escala de avaliação global para os estudos relacionados a AVC e melhora da marcha nas escalas utilizadas nos estudos relativos a pé equino. Apenas os resultados fornecidos com média e desvio padrão ou aqueles que discriminarem a mudança de escore dos casos serão considerados para a meta-análise. Os resultados dos artigos que obedecerem os critérios determinados serão analizados com a ajuda do softwere Revman 4.0.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15111
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGMS)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação_Med_Eduardo Cardoso.pdf348.57 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA